AQUIDAUANA

Projeto Social do Judiciário retoma atividades e homenageia 15 padrinhos

Objetivo é oferecer auxilio material e emocional para crianças que moram em abrigos

Por ALINE OLIVEIRA 22 AGO 2019 - 14h41min
Interessados em apadrinhar crianças e adolescentes podem procurar Fórum Interessados em apadrinhar crianças e adolescentes podem procurar Fórum Foto: Arquivo pessoal

O projeto Padrinho, idealizado pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) há quase duas décadas, foi retomado na Comarca de Aquidauana, na noite desta quarta-feira (21), no Tribunal do Júri, do Fórum municipal.

Criado com o objetivo de proporcionar ajuda material e afetiva à crianças e adolescentes que vivem em abrigos (unidades de acolhimento) oferece oportunidade para cidadãos contribuírem em três modalidades de apadrinhamento: afetivo, prestador de serviços e doador de material (financeiro).

Cerimônia formalizou atividades do projeto Padrinho no município

De acordo com o juiz de Direito e Diretor da Comarca de Aquidauana, Giuliano Máximo Martins, a reimplantação do projeto é uma grande vitória para população do município, principalmente as crianças e adolescentes.

“Algumas crianças não conseguem ser adotadas e vivem em unidades de acolhimento. A fim de minimizar os traumas, o projeto recruta padrinhos que possam contribuir com atenção, serviços médicos e também, financeiramente. Seguimos um critério minucioso de cadastramento e entrevista, a fim de comprovar que os candidatos têm condições de assumirem essa responsabilidade”, observa.

Coordenação do projeto entregou Selo "Amigo da Criança e do Adolescente" para 15 voluntários

HOMENAGENS

Na ocasião da cerimônia, a coordenação do projeto homenageou 15 padrinhos com o selo de “Amigo da Criança e do Adolescente”. Médicos, farmacêuticos, empresários de Aquidauana e Anastácio que auxiliam anonimamente, um público carente de afeto e bens materiais.

Segundo informado pelo doutor Giuliano Martins, os interessados em participar podem procurar a equipe técnica no Fórum da cidade.

Exposição fotográfica "Nasce uma família"

Além da cerimônia que formalizou o atendimento do projeto foi lançada uma exposição fotográfica chamada “Nasce uma Família”. A temática dos trabalhos é focada nas famílias surgidas a partir da adoção de crianças.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FecharAbrir