Lidio de Souza Neto

Aquidauana & Anastácio: Eleições-2016, renovação à vista?

Por Rhobson 25 ABR 2016 - 00h00min


A poucos meses das eleições municipais, apesar de muitas indefinições, o cenário político em nossa região, começa desenhar o seu perfil. Haja vista, muitas especulações, suposições e até apostas circulam nos bastidores, pelos quatro cantos das cidades co-irmãs, Aquidauana e Anastácio.


 


Em terras pantaneiras, já é notório algumas sinalizações, no sentido de quem vai apoiar quem? Quem vai se amadrinhar com quem? Dizem por estas bandas que ninguém quer ser pescoço, e sim cabeça. Será que vai haver pescoços para tantas cabeças? Vamos aguardar para ver!


 


Em Aquidauana, há muitos rumores controversos. Dizem que um determinado pré- candidato, a corrida ao Passo Municipal e, que este, para muitos, seria o próximo prefeito, poderá desistir da corrida já na reta final. Tal desistência seria em decorrência da chamada ?dança do pula-pula de partidos?, onde ?o tiro saiu pela culatra? e o seu partido, escolhido, está na berlinda dos escândalos que assola o País. É claro, que isso não passa de meras especulações para muitos. Mas, vai que cola!


 


Mas, contudo, apesar de tímidos, é possível perceber avanços de alguns pretensos a cargos eletivos, onde já é perceptível sinalizações de aglutinação de alguns grupos, como dos irmãos Ribeiros, apoiado por Reinaldo Azambuja, o do PT/PMDB/PSDB, segundo boatos, tem o apoio de um ex-prefeito (deposto), e ainda um terceiro, menos expressivo, composto pelos partidos nanicos.


 


Por outro lado, às margens esquerda do ?aquidauana?, em Anastácio, onde as eleições municipais, foram quase sempre emblemáticas, atipicamente, pode ser quebrado esse paradigma. Por aquelas bandas, as coisas estão mais definidas. Exemplo, da co-irmã Aquidauana, por lá, existem bons pré-candidatos ao Passo Municipal. 


 


É perceptível, a olhos nus, que em território anastaciano ou anastadense (gentílico), na contramão de Aquidauana, o eleitor é um privilegiado, dispõem de várias opções de escolha para depositar seu voto com coerência e consciente nas próximas eleições. Até então, após a era Claudio Valério, o Município de Anastácio, sofreu um apagão político, ficando órfão de bons administradores.


 


Para um número superlativo de eleitores anastacianos, emergiu das fileiras da Polícia Militar, coronel Evaldo Mazuy, ex-comandante do CPA-3, é visto como uma grata surpresa. E, a se confirmar sua candidatura, pelo andar da carruagem Mazuy deve sair na frente no próximo pleito e chegar absoluto ao Passo Municipal. 


 


Até porque, o eleitor de um modo geral, prima por mudanças, formação, transparência, origem, além de capacitação profissional. A cima de tudo a grande maioria do eleitorado citadino anastaciano, é composta de pessoas humildes e vê neste filho da boa terrinha uma ótima perspectiva pelas suas origens, legado e a cima de tudo, Ficha Limpa.


 


São esses, os eleitores humildes, que precisam de educação e saúde de boa qualidade e de fácil acesso, além, de outros serviços essenciais e gratuitos, como assistência social, segurança pública, meio ambiente ecologicamente equilibrado. Estas vertentes são requisitos básicos para uma boa qualidade de vida e o bem-estar geral dessa população.


 


Hoje, o eleitor, tem ao seu lado, a internet, uma aliada muito eficiente. Através do mundo globalizado o eleitor fica sabendo tudo sobre o seu candidato. Desde o ?exame do pezinho?, seu presente, passado, bem como, suas metas, e se estas são executáveis ou, simplesmente, obras de ficção. Com essa ferramenta ao seu alcance, a grande maioria dos eleitores, jamais continuará sendo massa de manobra. 


 


?ESPAÇO VERDE. 13 ANOS AO SEU LADO PRIMANDO PELA VIDA E MEIO AMBIENTE!?

 


 


SARGENTO LÍDIO DE SOUZA NETO - ESPAÇO VERDE

CASA DO CRIADOR MOBILE

Sobre o Autor

Rhobson

Deixe seu Comentário

Leia Também

FecharAbrir
Fale com a redação