Chuvas

Forte chuva com descarga elétrica volta a alagar ruas e casas em Corumbá

Por Diário Corumbaense 25 JAN 2021 - 17h00min
Chuva na região do pantanal Chuva na região do pantanal Foto: Capital do Pantanal

A forte chuva com raios e trovões, que caiu em Corumbá, no início da tarde desta segunda-feira, 25 de janeiro, deixando novamente ruas e casas alagadas.
De acordo com informações do meteorologista Natálio Abraão Filho, da Estação Meteorológica da Uniderp/Anhanguera, em pouco mais de 40 minutos, o volume de chuva foi de 37,2 milímetros. Ele ainda ressaltou que a velocidade do vento chegou aos 61,92 quilômetros por hora, por volta das 14h27.

A chuva de hoje também veio acompanhada de descargas elétricas. O meteorologista informou ao Diário Corumbaense que foram 172 raios, antes, durante e depois da precipitação, inclusive com queda de raio no solo.

A força da água foi tão forte que na principal rua do Centro de Corumbá, a Frei Mariano, a enxurrada deixou as pessoas que transitavam no local ilhadas até que a chuva passasse e a água escoasse. 

Até às 15h20, o Corpo de Bombeiros registrou duas ocorrências por causa da chuva. Duas casas ficaram alagadas, uma no bairro Popular Nova e a outra no Cravo Vermelho. Residências no bairro Centro América também foram invadidas pela água da chuva, conforme informações apuradas pela reportagem.

Grupo O Pantaneiro de Whatsapp - Mobile

Também houve queda de árvore, na região central. Galho caiu sobre motocicletas que estavam estacionadas no ponto de mototáxi na rua Antônio Maria, esquina com a Treze de Junho, mas felizmente ninguém se feriu e não houve danos aos motorizados. 

Acumulado e situação de emergência

Só nos primeiros 20 dias de janeiro, o acumulado de chuva em Corumbá foi de 456,6 milímetros. Esse volume de água foi suficiente para provocar danos em pontos da cidade, já que quase todos os dias, há registro de chuva, deixando moradores de áreas consideradas de risco e autoridades, em alerta. O esperado para o mês de janeiro era de 145,4 milímetros.

Entre os dias 13 e 14, foram registrados mais de 187 milímetros de chuva, o suficiente para que o Município decretasse situação de emergência, vigorando por 90 dias a contar de sua publicação, podendo ser prorrogado pelo mesmo prazo. A Prefeitura já atendeu mais de 350 famílias nos últimos dias com colchões, roupas, mantimentos e itens de higiene. 

Portal Atacado - Dia P - Novembro_2020_12

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campanha Hamburgueria do Genezio - (combo familia - burgerG)_12
FecharAbrir
2
Entre em nosso grupo