Confusão

Em Rio Verde, prefeito é preso após chegar armado em manifestação

Mário Krieger teria ido tirar satisfação de rival político

Por Redação 20 SET 2020 - 08h50min
Foto: Campo Grande News

O prefeito Mário Krieger, de Rio Verde de Mato Grosso, foi encaminhado para Polícia Civil após chegar a uma manifestação com uma arma de fogo não autorizada, na tarde deste sábado (19), e causar uma confusão. 

Segundo a reportagem do Campo Grande News, um grupo de pessoas estava às margens de uma rodovia no município, instalando outdoor em apoio ao presidente Jair Bolsonaro quando Krieger chegou com o revolver na mão.

Ele estava visivelmente alterado e os populares conseguiram retirar a arma, mas o objeto passou por umas três pessoas até que tivesse as balas retiradas. Inclusive umas das pessoas chegou a apontar a arma para o prefeito.

Ainda conforme a reportagem, Mário foi contido e voltou para casa. A Polícia Civil foi até lá e o encaminhou para Delegacia. Ele não tinha o porte da arma que usava, apenas o registro

Diogo Casagrande, advogado do prefeito, afirmou que Mário teria ido ao local tirar satisfações com apoiadores de um rival político que tem o ameaçado frequentemente. Diego ainda afirmou que o prefeito não estava alcoolizado.

“Essa confusão surgiu há alguns dias, esses apoiadores vem fazendo ameaças veladas a ele” comentou Diogo, sem detalhar qual tipo de ameaça o prefeito tem recebido. Ele explica que a briga não teve relação com a instalação do outdoor em apoio ao presidente Jair Bolsonaro.  “Ele, inclusive, também é apoiador do presidente”, completa o advogado para o site da Capital. 
 

PET SHOP AGRO MOBILE

Deixe seu Comentário

Leia Também

BADDI MOBILE
FecharAbrir
Fale com a redação