Polícia

Condenado a 17 anos, Palhaço Sabiá diz que não tinha intenção de matar a ex

Sabiá viveu em Aquidauana por cerca de 10 anos

Por Redação 17 SET 2020 - 15h05min
Foto: Bruno Henrique/Correio do Estado

Jesus Ajala da Silva, 47 anos, também conhecido como ‘Palhaço Sabiá’, foi a julgamento nesta quinta-feira (17) acusado de matar a ex-namorada Silvana Tertuliana Pereira. O crime aconteceu em janeiro do ano passado. A vítima terminou o relacionamento com ele, que não aceitou e matou a mulher a facadas. Ele ainda escondeu o corpo dela em um terreno.

Durante o julgamento, Sabiá chegou a dizer que não teve intenção de matar a ex. “Perdi a cabeça. Dei a primeira facada nela, ela resmungou, no começo não era meu plano, vi que acertei a primeira e já entendi que minha vida complicou”, conta.

CCAA VERTICAL MOBILE

O palhaço ainda explicou que deu as facadas porque ficou nervoso. “A primeira foi no tórax, as outras eu não lembro, na hora eu fiquei cego”, detalhou.

Conforme decisão do júri popular, presidida pelo juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida, da 1ª Vara do Tribunal do Júri, o réu foi condenado a 16 anos pelo feminicídio, segundo o Jornal Midiamax. Além disso, mais 1 ano de reclusão e pagamento de 10 dias-multa pela ocultação de cadáver. Com isso, a sentença foi de 17 anos de reclusão e 10 dias-multa. A pena deve ser cumprida em regime fechado.

Segundo investigação, Sabiá namorou com Silvana por cinco meses, até que ela decidiu terminar. Inconformado, ele a chamou para conversar, já com intenção de matá-la caso ela não reatasse o relacionamento. 
Ela foi até a casa dele, mas continuou decidida a terminar o namoro. Eles haviam tomado banho juntos, então ele pegou a faca e atingiu a vítima assim que ela saiu do chuveiro. Ele fugiu e voltou horas depois, quando vestiu a ex, descartou o celular e a bicicleta dela. No dia seguinte, ele escondeu o corpo de Silvana em um terreno.
 

Portal Atacado - Dia P - Novembro_2020_12

Deixe seu Comentário

Leia Também

Genezio Hamburgueria - Lanche Gourmet - 12
FecharAbrir
Fale com a redação